Em Gerli, Argentino de Quilmes vence El Porvenir e adentra a zona de classificação ao Reducido da Primera C

Hola!

Uma pequena cidade da Grande Buenos Aires foi a segunda parada da jornada do blog pelo ascenso argentino. Depois da nossa estreia em canchas porteñas na Capital Federal, terça foi dia de tomar os ferrocarriles com destino a Gerli para mais uma genial contenda válida pela Primera C. Por lá, no lado pertencente a Lanús – a outra metade da cidade pertence a Avellaneda -, os locais do El Porvenir receberam o Argentino de Quilmes.

El Porvenir x Argentino009
Club El Porvenir. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
El Porvenir x Argentino008
Club Atlético Argentino de Quilmes. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
El Porvenir x Argentino007
Diego Molinelli foi o árbitro, auxiliado por Mariano Brunero e Ezequiel Cuchiarelli. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Saindo da cidade de Buenos Aires, foi incrivelmente fácil chegar à cancha dos blanquinegros. Via metrô, trem e uma caminhada pelo simpático bairro de Gerli Oeste, em uma hora percorri os cerca de 25 quilômetros pela bagatela de 9 pesos, o equivalente a R$ 1,50.

28694474_1425241110938002_1276123245_o
Estación Constituición, a saída, via Ferrocarril Roca, para o sul da Gran Buenos Aires. Detalhe para a flâmula do próprio Porvenir em destaque na banca, à frente, inclusive, dos grandes da Superliga. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
28555582_1423384877790292_217677461_o
Duas estações depois, já chegava na simpática Gerli. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
28640742_1423384854456961_227189428_o
A fachada do Estádio Gildo Francisco Ghersinich, a casa do Porvenir desde os anos 70. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Na parte de baixo da atual tabela e correndo riscos de regressar à Primera D, da qual foi campeão em 2016, o Porve vem se recuperando após a virada de ano. Em 2018, a equipe de Gerli ainda não conheceu a derrota – foram três vitórias e dois empates – e ganhou fôlego para, inclusive, voltar a sonhar com a classificação para o Reducido – o mata-mata que renderá uma vaga extra à Primera B.

El Porvenir x Argentino011
O brasão do El Porvenir sobre a platea do Estádio Gildo Francisco Ghersinich. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Falando em Reducido, só a vitória interessa aos quilmeños para entrar de vez na zona de classificação. Igualmente em boa fase, o Argentino vem de uma sequência de quatro jogos sem perder e chega a Gerli buscando se firmar de vez na disputa pelo acesso ao terceiro nível do futebol argentino, do qual deixou na temporada 2003/04 e nunca mais regressou – passando, inclusive, duas vezes pelo calabouço da Primera D.

El Porvenir x Argentino006
Acostumados com jogos da Primera C em todos os dias da semana, os hinchas blanquinegros compareceram em um número bem razoável. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Além dos bons momentos atuais, El Porve e El Mate dividem outra curiosidade – essa, histórica: ambos são dois dos únicos quatro clubes a disputarem tanto a primeira, quanto a última divisão do futebol argentino. Depois de passar pelo céu nos primeiros anos do profissionalismo e pelo inferno recente, o compromisso dessa 24ª rodada é tratado como chave para indicar o futuro das equipes nessa temporada.

El Porvenir x Argentino002
O detalhe da belíssima pelota usada em todas as categorias do futebol argentino. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

 

Dentro das quatro linhas, foi a esquadra visitante que se impôs na busca de manter sua racha positiva. Tardou apenas 17 minutos para que o ímpeto ofensivo fosse convertido em vantagem no placar. Depois de arriscar em duas oportunidades, o camisa 10 Gustavo Oberman encontrou as redes em um arremate firme de fora da área, que quicou e matou o arqueiro alvinegro.

El Porvenir x Argentino010
O camisa 10 albiceleste foi o responsável por tirar o zero do score. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
El Porvenir x Argentino014
Eficiente na frente e atrás, o Argentino não ligou para o fator visitante e fez um excelente começo de jogo. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Apesar da intensidade aplicada, os locais não conseguiam criar com qualidade e ofereciam pouco perigo à meta defendida por Anibal Leguizamón. Do outro lado, os de Quilmes contragolpeavam com uma certa facilidade. Foi só após a parada para hidratação, por volta dos 30 minutos, que o El Porvenir conseguiu transformar a pressão em chance clara de gol, num chute colocado de Alan Seguel, encaixado com tranquilidade pelo goleiro.

El Porvenir x Argentino005
Marcelo Ojeda aproveitou a parada para corrigir as diversas falhas de sua equipe. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
El Porvenir x Argentino004
Ainda que melhor ofensivamente, os locais seguiram parando na eficiente retaguarda visitante. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Na volta para a segunda etapa, pouca coisa mudou no panorama da partida. Novamente foi o Mate quem chegou primeiro. E dessa vez de forma curiosa: o arqueiro Leguizamón deu um bago para frente e, aproveitando as diminutas dimensões da cancha, quase encobriu o colega de posição rival. Passado o susto inicial, o El Porvenir voltou a deter a posse da pelota e pressionar, mas sem a lucidez para buscar o empate. Para piorar a situação, a equipe albiceleste chegou ao segundo quando já eram passados os 40 minutos, em um arremate cruzado de Gabriel Tellas, e deu números finais à peleja.

El Porvenir x Argentino003
Uma solitária bandeira tremulava na platea local. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
El Porvenir x Argentino013
A limitada equipe alvinegra, porém, não conseguiu furar a barreira adversária e conheceu sua primeira derrota em 2018. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Sob protestos da torcida, o El Porvenir conheceu, dentro de seus próprios domínios, o primeiro revés no ano e se distanciou do Reducido. O Argentino de Quilmes, pelo contrário, adentrou de vez a zona e, já na próxima fecha, tem uma excelente oportunidade de se firmar por lá, já que recebe o lanterna e rival Berazategui. O El Porvenir, por sua vez, vai a Ensenada para medir forças com o Defensores de Cambaceres.

El Porvenir x Argentino012
Atrás do arco, o hincha solito deu voz às reclamações de toda a torcida. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Já os rumos do blog na Gran Buenos Aires nos levam, agora pela Primera D, à Villa Soldati, na Capital. Mais duas agremiações aparecerão pela primeira vez – obviamente – por essas páginas. Nossas andanzas pelo ascenso estão apenas começando.

Hasta la próxima parada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s