Náutico vence o União de virada no Saco dos Limões e se isola na ponta do Municipal

Dale!

O Cancheiro deu prosseguimento ao tour pelas praças esportivas da Ilha na agradável tarde desse domingo. Depois de cerca de meia hora de caminhada, já nos encontrávamos às margens da Rodovia Aderbal Ramos da Silva, a Via Expressa Sul. Por lá, mesmo sendo na metade meridional da Ilha, duas equipes do Norte se enfrentaram: o União, que carrega o nome de sua vila, localizada na Vargem do Bom Jesus, e o Náutico, do Santinho.

UniaoVBJ x Nautico05
O União da Vargem do Bom Jesus, comandado por Everton da Rosa, jogou com: Tayrone; João Victor, Pezão, Patrick e Fael; Cris, Guilherme, Toninho e Che; Lipe (João Carlos) e Thiaguinho. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico43
Fernando Lemos, o Borússia, mandou o time do Santinho a campo com: Gabriel; Dudu, Baiano (Lucas Danne), Jhonatan Dresch e Bahuan; Jan, Lukinha, Fillipy e Gardena; Godo (Bruno) e Maurivan. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico07
Filipe de Souza comandou o espetáculo no Saco dos Limões. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

O embate, realizado no Estádio Aldo Silva, foi um duelo de campeões. Enquanto a equipe da Vila União, que vem mandando seus jogos no Saco dos Limões, subiu da Segundona com o caneco e é a novidade dessa edição da Primeira Divisão, o Náutico é o atual campeão da elite.

UniaoVBJ x Nautico09
Depois de tantas partidas desprovidas de torcida nesse Municipal, foi um alento ver a Fúria da União cantando e apoiando o jogo inteiro. Ainda mais pelo fato da equipe jogar todas partidas como se fosse fora de casa. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Ao final das três primeiras rodadas, o time do Santinho seguia firme no objetivo do bi e era o líder do certame – foi ultrapassado no sábado pelo Grêmio, que passou a ter um jogo a mais. O União, apesar de novato, não vem fazendo feio na competição e, até o começo da rodada, estava empatado na quarta posição com o Avante, ambos com quatro pontos.

UniaoVBJ x Nautico14
Mesmo sendo caminho para o Sul da Ilha, o Saco dos Limões vem recebendo a equipe do União, que precisou enfrentar a barreira do preconceito para conseguir alugar uma cancha. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico20
No jogo de sábado, teve o Ernesto. Nesse, teve o Che. Espero que no próximo tenha um Guevara, para fechar a trinca revolucionária. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Dentro de campo, os mandantes provaram que têm potencial para ir ainda além. No embalo da Fúria da União, sua apaixonada torcida, o União, mesmo com menos posse de bola, criou as melhores chances da primeira etapa. Aos 20, Guilherme encontrou espaço no meio da área e bateu forte, mas Gabriel salvou com os pés. Dois minutos depois, Toninho também teve liberdade para arrematar, mas não pegou em cheio e facilitou a vida do goleiro.

UniaoVBJ x Nautico29
Bahuan armando o bote para cima de Lipe. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

O Náutico só assustou de forma efetiva após meia hora de bola rolando. Depois de tanto rondar a área adversária, a equipe do Santinho descolou uma excelente falta. O zagueirão Jhonatan Dresch foi para a cobrança e bateu de canhota, forte e colocado, mas a pelota caprichosamente explodiu na trave.

UniaoVBJ x Nautico12
Apesar de dominar as ações, o Náutico só chegava através das bolas paradas. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Depois do susto, a equipe do Santinho seguiu pressionando e se utilizando da bola parada para levar perigo para o arqueiro Tayrone. O Náutico até balançou as redes, com Maurivan, em jogada de Fillipy, mas em posição de impedimento. A torcida local, já estupefata com a atuação de sua equipe, começou a cobrar raça dos atletas no finalzinho da primeira etapa. E deu certo. Aos 45, Fael emendou um belo chute da entrada da área e estufou as redes, sem chances para Gabriel.

UniaoVBJ x Nautico10
Foi só a Fúria pedir raça que o União abriu o placar. E ainda tem quem diga que a torcida, ainda mais no amador, não faz diferença. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico16
Fael pegou na veia… (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico33
…e saiu descontrolado… (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico08
…em direção à galera, obviamente. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

A princípio, a cobrança do técnico Borússia parecia não ter surtido efeito. Isso porque a defesa simplesmente parou e observou Lipe dominar um chutão do goleiro Tayrone pela direita e bater cruzado, tirando tinta da trave contrária. Pouco depois, Maurivan mais uma vez balançou as redes em favor dos visitantes, mas, novamente, em impedimento – o Náutico precisa treinar essa linha de ataque, pois foi o sexto gol impedido da equipe, anotado em duas partidas que O Cancheiro esteve presente.

UniaoVBJ x Nautico38
Borússia possesso com a marcação frouxa de sua equipe. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico06
Com um minuto do segundo tempo, Tayrona dividiu no alto e sentiu. Borussia, já enfastiado com o tempo parado, perguntou se eles não queriam que “ele fosse ali oferecer um café colonial para continuar a reunião”. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Com a pressão visitante cada vez maior, o jogo se concentrou apenas no campo de ataque do Náutico. Parecia treino de ataque contra defesa. Aos 19, depois de tanto martelar, Gardena subiu no meio da marcação para testar uma cobrança de falta de Jan e enfim empatar a disputa. Curiosamente, tal como no gol do União, a torcida local já estava cobrando raça – dessa vez, surtiu um efeito totalmente oposto.

UniaoVBJ x Nautico03
Mesmo em meio à marcação, Gardena cabeceou consciente para o fundo do filó. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

Mesmo após o empate, a lógica persistiu. Apesar de toda a entrega do União, parecia questão de tempo a virada do Náutico. Questão de 15 minutos, para ser mais exato. Foi quando Maurivan avançou pelo flanco direito, chegou à linha de fundo e cruzou na medida para Fillipy antecipar à marcação e virar. Abatido, o time do União não conseguiu mais reunir forças para buscar um empate e o placar seguiu inalterado até o apito final de Filipe de Souza.

UniaoVBJ x Nautico39
Fillipy reconheceu a baita jogada de Maurivan e foi comemorar a virada com ele. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)
UniaoVBJ x Nautico30
Tayrone segurou a pressão enquanto pôde. (Foto: Lucas Gabriel Cardoso)

A vitória, mais suada do que se imaginaria, recoloca o Náutico no topo da classificação, agora isolado com 10 pontos. Com quatro, o União segue batendo a porta do G4, mas sem adentrá-lo. Podendo garantir a classificação antecipada, o esquadra do Santinho recebe o Avante na próxima rodada, daqui a dois finais de semana. O time da Vargem do Bom Jesus, por sua vez, visitará o Botafogo, na Gruta.

Mais imagens da peleja

A galeria completa será postada na nossa página no Facebook. Curta lá e fique ligado!

Faltando apenas duas equipes para completar as oito do Municipal, a agenda do blog para essa rodada já está ocupada com o duelo entre Campinas e Cruz de Malta, justamente os que faltam cobrir. Antes disso, tem feriadão, visita a outras regiões, retorno de competição importante e muitas novidades.

Até a próxima, môs quiridos!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s